Diferença entre Tabela e Quadro

A seção 3.32 da NBR 14724:2011 define a Tabela como sendo uma "forma não discursiva de apresentar informações das quais o dado numérico se destaca como informação central" (ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS, 2011, p. 4). Em relação ao Quadro, é apresentado na seção 4.2.1.9, da mesma NBR, que o mesmo trata-se de uma Ilustração, porém nada define sobre sua forma e, ao analisar o exemplo contido na aludida seção, deixa margem para interpretação que vai de encontro à definição da Tabela. Observe o exemplo apresentado na seção 4.2.1.9 da NBR 14724:2011 (ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS, 2011, p. 8):


     
 A seção 5.9 da NBR 14724:2011, que trata sobre as regras gerais para apresentação de Trabalhos Acadêmicos, relata que as Tabelas "devem ser citadas no texto, inseridas o mais próximo possível do trecho a que se referem e padronizadas conforme o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)" (ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS, 2011, p. 11).
Ao verificar as Normas de Apresentação Tabular (NAT), que se encontra vigente, criadas pelo IBGE (1993)¹, a definição de Tabela é a mesma apresentada pela ABNT. Sendo assim, quando for apresentar informações onde o dado numérico é parte principal, utiliza-se a forma de Tabela e, para as demais informações, utiliza-se a forma de Quadro.

 Segundo as NAT do IBGE, a Tabela deve possuir um título, um cabeçalho, um corpo contendo as informações, uma linha de fechamento, uma fonte e, se for o caso, uma nota explicativa. Os quadros também possuem tais especificações, porém diferem das Tabelas em sua forma, no que diz respeito ao fechamento das laterais.

 Segue um modelo de Quadro e mais abaixo o modelo da Tabela 3 encontrada nas NAT do IBGE:

Observe que as laterais estão fechadas diferenciando, em sua forma, da tabela que possui as laterais abertas.


Observação: caso uma tabela ou quadro não caiba numa folha, deve-se inserir a terminologia “(continua)” onde esta aparecer pela primeira vez, e deve-se repetir, na próxima folha, o título da tabela (ex.: Tabela 3: Taxa de crescimento...) e o cabeçalho inserindo a terminologia “(continuação)”, sendo que na folha onde finalizar a tabela ou quadro deve-se inserir a terminologia “(conclusão)”. Outrossim, caso uma tabela ou quadro possuir muitas linhas e poucas colunas, pode-se dispor em duas ou mais partes, sendo estas separadas por um traço duplo vertical, conforme exemplo da Tabela 3, das Normas de Apresentação Tabular do IBGE, a seguir:


_____________
¹ ESTATÍSTICA, Fundação Estatuto Brasileiro de Geografia e. Normas de apresentação Tabular. Disponível em: <http://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/monografias/GEBIS%20-%20RJ/normastabular.pdf>. Acesso em: 12 dez. 2010.

 

Para referenciar esta página utilize:


DAMASCENA JÚNIOR, Manoel Alves. Diferença entre tabela e quadro. Disponível em: <http://www.tudosobremonografia.com/search/label/Diferen%C3%A7a%20entre%20Tabela%20e%20Quadro>. Acesso em: (dia) (mês abreviado.) (ano.)



Se este tutorial foi útil para você, por favor, deixe um comentário, indique este Blog para um amigo e compartilhe nas redes sociais.

Vamos fazer deste Blog um Serviço de Utilidade Acadêmica (SUA).



REFERÊNCIAS

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 14724: Informação e documentação: trabalhos acadêmicos: apresentação. Rio de Janeiro, 2011.
 
FUNDAÇÃO ESTATUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Normas de Apresentação Tabular. Disponível em: <http://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/monografias/GEBIS%20-%20RJ/normastabular.pdf>. Acesso em: 12 dez. 2010.



34 Response to Diferença entre Tabela e Quadro

20 de maio de 2011 21:35

Muito bom seu trabalho! PARABÉNS!!!

Anônimo
24 de maio de 2011 21:44

muito útil obrigado

Anônimo
27 de setembro de 2011 14:36

Não existe isso de "Fonte: Próprio autor."
A fonte só é citada se os dados do quadro ou tabela não são do próprio autor.

Anônimo
30 de outubro de 2011 13:24

O que não existe é sem qualquer fonte!

Se é do próprio autor tem que ter fonte sim!

Fonte: Elaborado pelo autor.

20 de novembro de 2011 22:21

É obrigatória a fonte, mesmo sendo do próprio autor!!! ver item 5.8 da NBR 14724 " Após a ilustração, na parte inferior, indicar a fonte consultada (elemento obrigatório, mesmo que seja produção do próprio autor)"

Anônimo
11 de novembro de 2012 15:39

Obrigado, me foi muito útil.

21 de novembro de 2012 17:15

Ótimo texto!

Uma Dúvida, sobre as linhas horizontais entre os dados, como usado no Quadro 1, podem ser usadas em uma tabela?

27 de novembro de 2012 12:57

Na verdade, a diferença primordial entre tabela e quadro NÃO é a formatação! Seria um absurdo criar dois elementos de disposição de informação diferenciando apenas sua formatação. A diferença crucial entre tabela e quadro é que “as tabelas apresentam informações tratadas estatisticamente enquanto que os quadros contêm informações
textuais agrupadas em colunas”.

Anônimo
13 de dezembro de 2012 12:43

Exatamente, Unknown

Para além disso, não existe realmente fonte (próprio autor). Ou se cita uma fonte publicada que tem o próprio como autor, e aí faz-se como se fosse outra pessoa.
Se não for dada fonte presume-se que é do autor do trabalho.

Anônimo
13 de dezembro de 2012 14:28

ajudou e muito

Anônimo
5 de janeiro de 2013 15:01

Qual deve ser o tamanho da letra utilizada na tabela, se ela for muito extensa, com muitas linhas e colunas, pode utilizar tamanho 7, por exemplo?

24 de janeiro de 2013 11:46

QUE BESTEIRA! A diferença entre quadro e tabela é que o quadro é uma simples organização de informações (como um quadro de horários, por exemplo). Já em uma tabela, as linhas ou colunas podem ter relações matemáticas entre si.!!!!

Anônimo
20 de abril de 2013 20:36

alguém me explica por favor qual a diferença de produção textual e monografia?

Anônimo
14 de maio de 2013 15:03

O artigo me esclareceu a dúvida :) , maaas....
Quanta chatice!!
Tabelas == quadros, desenhado diferente..
Vou inventar um sem o risco do topo e chamarei de xuplenkers.

Rui
27 de junho de 2013 19:06

Muito útil, compartilhando.

Anônimo
18 de julho de 2013 08:53

muito bom, valeu.

Anônimo
24 de julho de 2013 10:28

Segundo a norma do IBGE, toda tabela deve ter fonte.

Anônimo
14 de agosto de 2013 15:34

Sempre está ajudando...é o objetivo!

14 de agosto de 2013 15:49

Pesquisa do estudante Emanuel Sidney de Castro para TCC1

16 de agosto de 2013 05:01

obrigada! me ajudou muito!

Anônimo
20 de agosto de 2013 07:36

Muito bom! Parabens!
Objetivo e de facil entendimento.
Obrigada.

24 de agosto de 2013 18:22

como fazer uma tabela no word pra ficar com a lateral aberta?

Anônimo
19 de outubro de 2013 16:26

Simples e objetivo. Obrigado.

3 de dezembro de 2013 01:55

Grato!

Anônimo
29 de janeiro de 2014 17:42

Muito Bom, simples e objetivo, com exemplo, abraço, Rogério Degasperi.

25 de fevereiro de 2014 16:55

Posso colocar tabela de artigo na monografia? Como faço? E gráfico? Obrigada

4 de março de 2014 06:37

Muito esclarecedor.

24 de março de 2014 04:30
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo
4 de abril de 2014 22:51

Essa discussão é mais velha que andar para trás.... segundo a NBR 14724, quadros, tabelas e demais ilustrações devem ser referentes à fonte consultada - ainda que seja o próprio autor - SE ele redigiu um artigo que foi referenciado no atual artigo (o contrário geraria auto plágio).

Agora... o pesquisador elaborou uma tabela e escreve "Fonte: elaborado pelo autor" é que é absurdo.... afinal, o nome do autor já consta da capa do trabalho.

Para me certificar - assisti recentemente a uma qualificação de mestrado. O Mestrando, coitado, ouviu muito de todos os membros da banca justamente pela utilização de "Fonte: elaborado pelo autor".

10 de abril de 2014 13:40

Me ajudou bastante! Obrigada.

16 de abril de 2014 11:51

Muito legal o post^^

26 de maio de 2014 23:56

Muito esclarecedor. Obrigada.

20 de junho de 2014 01:35

nao existe o item 5.10 na NBR 14724

Anônimo
22 de agosto de 2014 07:27

Sempre que se assistir à qualquer apresentação ou ler algum texto, tome cuidado. Não é porque alguém fez "assim" ou "assado" que o fez corretamente. É incrível como todo mundo gosta de dar palpites seguindo suas preferências. Norma é para ser seguida, portanto é necessário colocar a fonte, mesmo sendo o próprio autor. Eu não gosto disto, mas preciso atender ao que norma define.
Outra coisa, a forma correta de citar normas é ABNT NBR 14724:2011. Outro erro, uma norma ou qualquer texto é composto por seções e não itens. Exemplo: a Seção 5.10 da ABNT NBR 14724 (a inclusão do ano depois do no. da norma indica algo específico sobre a norma, portanto pode aparecer ou não). Poderá existir um item "a", "b" etc. dentro de uma seção ou subseção, mas não confundir seção com item.

Postar um comentário